Por Onde Anda? JoAnna Cameron, A Poderosa Ísis


Em 1977 a Rede Globo exibiu pela primeira vez no Brasil a série A Poderosa Ísis (1975-1976), produzida pela CBS e estrelada pela atriz JoAnna Cameron. A série contava a história de Andrea Thomas, que se transformava na heroína que combatia o mal ao dizer as palavras "Poderosa Ísis", invocando os poderes de uma espécie de Deus egípcio.

JoAnna Kara Cameron nasceu no Colorado em 20 de setembro de 1951. Seu primeiro emprego foi como guia no recém inaugurado parque da Disneylândia. JoAnna trabalhava para pagar o curso na faculdade UCLA, e foi lá que conheceu Linda Hope, filha do comediante Bob Hope.

Linda indicou a amiga para um pequeno papel no filme do pai, Como Cometer Um Casamento (How to Commit Marriage, 1969), de Norman Panama.

Bob Hope e JoAnna em Como Cometer um Casamento


Em 1970 um produtor a viu em um restaurante e a convidou para fazer um teste para o filme Uma Garota de Raça (Star Spangled Girl, 1971), mas ela perdeu o papel para Sandy Duncan. A atriz fez inúmeras aparições em seriados e teve pequenos papéis em filmes como O Seu Caso Era Mulher (I Love My Life, 1970) e Garotas Lindas aos Montes (Pretty Maids All in a Row, 1971). Mas era na publicidade que a atriz ganhava dinheiro. Em 1977 ela entrou para o Guinnes Book como a modelo que fez mais comerciais nos Estados Unidos.

Confira JoAnna em um comercial da época



Em 1970 começou a ganhar destaque fazendo participações regulares na série Marcus Welby Médico 
(Marcus Welby, M.D.). Em 1975 também começou a fazer aparições regulares na série Shazan, já interpretando A Poderosa Ísis, personagem que a consagraria. Foi o primeiro seriado live-action protagonizado por uma heroína mulher.

A personagem agradou tanto, que ganhou sua própria série, que durou de 1975 a 1976. No Brasil foi exibida primeiramente pela Rede Globo, depois TVS e TV Record, dublada pela atriz Ângela Bonatti.



Ao fim da série a atriz trabalharia novamente com adaptações de histórias em quadrinhos (embora surgida na TV, a personagem ganhou as páginas de quadrinhos da DC Comics na década de 70), fazendo participação na série Homem Aranha em 1978.

Confira a participação da atriz em Homem Aranha



Em 1980 ela atuou em seu último filme, Swang Song (1980), uma produção modesta feita para a televisão. Depois dirigiu um documentário sobre a aeronáutica e afastou-se definitivamente das câmeras.

JoAnna trabalhou muitos anos com enfermeira na Califórnia, e atualmente trabalha como gerente de marketing em um hotel no Hawaí. Eventualmente comparece em feiras e conferências dedicadas a fãs da série.


A atriz atualmente

Assista ao primeiro episódio de A Poderosa Ísis,

com dublagem original Herbert Richards



Leia também: Carmen Amaya, a cigana que levou o flamenco a Hollywood

Leia também: Donald Sutherland recebe o Oscar pelo conjunto da Obra

Leia também: Que fim levou Salvatore Cascio, o Totó de 'Cinema Paradiso'?


Curta nossa página no Facebook
Se inscreva no nosso canal do Youtube
Siga-nos neste portal de notícias